Tecnologia do Blogger.

Archive for Fevereiro 2010

Futebolistas no Twitter!

Ontem tivemos a polêmica do perfil de Sávio no Twitter, mas logo veio a confirmação que o perfil do jogador é VERDADEIRO. Obviamente que deve ter sido criado por seus assessores - como de muitos outros famosos no Twitter - mas é verdadeiro, então os twitteiros podem seguí-lo tranqüilamente. Abaixo uma listinha que pode ser de interesse:

Avaianos no Twitter:

- Avaí (Oficial) - @avaifc

- João Henrique Areias - http://twitter.com/jhareias

- Sáv10 - www.twitter.com/saviobortolini

- Vandrei Bion - http://twitter.com/vandreibion

- Zunino - http://twitter.com/Jnzunino


Jogadores:

- Alan Kardec - @alankardec31

- Belletti - @julianobelletti

- Bruno Cardoso - @brunoccardoso

- Ciro - @c11ro

- Danny Morais - @danny_morais14

- David - @david_fla40

- Denílson - @denilsonshow

- Deyvid Sacconi - @deyvidsacconi

- Diego Tardelli - @DiegoTardelli09

- Edmílson - @edmilson3

- Eduardo Martini - http://twitter.com/eduardomartini

- Fabinho Capixaba - @FabinhoCapixaba

- Fred - @fredgol9

- Galhardo - @galhardo42

- Giuliano - @Giulianovictor

- Ibson - @ibson7

- Jorbison - @Jorbison35

- Kaká - @realkaka

- Lauro - @goleirolauro

- Léo Moura - @leomoura2

- Marcelo Lomba - @marcelolomba

- Paulo César - @PCBUTS

- Petkovic - @Petkovic10

- Rafaél Sóbis - @rafaelsobis

- Romário - @romarioonze

- Souza - @souzademonjolos

- Tinga - @paulocesartinga


Twitters Oficiais de Jogadores Estrangeiros

Altidore (Atacante do Hull City) – @JozyAltidore17

Daniel Leon Gabbidon (Defesa do West Ham) - @TheRealGabbidon

Darren Bent (Atacante do Sunderland) - @DBTheTruth

Donovan (Meio-campo do Galaxy) – @Landon_Donovan

Jonathan De Guzman (Meio-campo do Feyenoord) - @jdeguz


Twitters de Técnicos de Futebol

- Estevam Soares -http://twitter.com/estevamsoares

- Mano Menezes - @manomenezes

- Vanderlei Luxemburgo - @vluxemburgo

- Renê Weber - http://twitter.com/RENEWEBERFUTBOL

- Silas - http://twitter.com/silastreinador

- Zico - @ziconarede


Twitters de Presidentes de Clubes

- Alexandre Kalil (Atlético-MG) - @alexandrekalil

- Luiz Belluzzo (Palmeiras) - @Belluzzo_p


Twitters Oficiais de Clubes brasileiros

Atlético Goianense – @AtleticoGO

Barueri - @gremiobaruerifl

Botafogo - @BotafogoOficial

Corinthians – @sitecorinthians

Coritiba (tem 5 twitters) – @coxaonline (notícias), @coxaonline (promoções), @comunicoxa (imprensa), @eternamentecoxa (sócio-torcedor) e @secretaria_cfc (secretária do Coritiba)

Flamengo - @cr_flamengo

Fluminense – @FluDigital

Grêmio – @imortalnews

Internacional – @assessoriainter (notícias do time), @TVINTER (TV Internacional),

Palmeiras – @SitePalmeiras

Santo André – @ecsantoandre

Santos – @sfc_oficial

São Paulo (tem 2 twitters) – @comunicacaospfc e @assessoriaspfc

Sport - @Sport_Oficial

Vasco da Gama –http://twitter.com/crvascodagama

Vitória - @ecvitoria


Twitters de Times Ingleses

Arsenal – @arsenaldotcom

Aston Villa – @AVFCOfficial

Blackburn Rovers –@onerovers

Chelsea – @stamfordthelion

Everton – @YourEverton

Fullham – @fulhamfc

Hull City – @hulltigers

Liverpool – @LFCTV

Manchester City - @MCFC

Stoke City – @OFFICIALSCFC

Sunderland – @safcofficial

Wigan Athletic – @LaticsOfficial

Wolverhampton Wanderers – @OfficialWolves


Twitters de Times Portugueses

Benfica – @sl_benfica

Boa Vista – @boavistaoficial

Porto – @fc_porto

Sporting – @sporting_cp


Twitters de Times Espanhóis

Real Madrid - @realmadrid


Fakes:

Fake do Adilson Batista - @AdilsonBatista

Fake do Celso Roth - @celsoroth

Fake do Cléber Machado - @oclebermachado

Fake do Cristiano Ronaldo - @CRSETE

Fake do Galvão Bueno - @galvaobueno

Fake do Joel Santana - @JOELNACOPA

Fake do Paulo Autuori - @pauloautuori

Fake do Renato Gaúcho - @renato_gaucho

Fakes do Richarlyson - @richarlysonrick @ricky_barbosa

Fake do Rogério Ceni - @rogerioceni


Twitters de comentaristas/narradores e afins

Ari Aguiar (ESPN) - ariaguiar

Artur Virgílio - http://twitter.com/arthurinfo

Benjamin Back - @Benja97

Clayton Conservani - @conservani

Eric Faria - @fariaeric

Everaldo Marques (ESPN) - @everaldomarques

Fabiano Linhares - http://twitter.com/fabianolinhares

Fábio Machado - http://twitter.com/fabiomachadoo

Flávio Gomes (ESPN) - @flaviogomes69

Glenda Kozlowski - @glendakozlowski

Ivan Moré (apresentar do Globo Esporte nas horas vagas) - @ivan_more

João Palomino (ESPN) - @joaopalomino

Jorge Jr. - http://twitter.com/jorgeojr

Juca Kfouri - @JucaKfouri

Kajuru - @kajuruzinho

Lédio Carmona - @lediocarmona

Mauro Cezar (Espn) - @MauroCezarESPN

Milton Neves - @milton_neves

Neto (comentarista) - @10neto

Paulo Andrade (ESPN) - @pandradeespn

Paulo Antunes - @PauloESPN

Raul Plassmann (Ex-Goleiro, atual comentarista do Sportv - @RaulPlassmann

Rodrigo Bueno (ESPN) - @RodrigoBuenoESP

Rodrigo Faraco - http://twitter.com/RodrigoFaraco

Rodrigo Santos - http://twitter.com/rodrigoblog

Ronaldo (Ex-goleiro do Corinthians) - @Ronaldo601

Sílvio Luiz - @silvioluiz

Soninha Francine - @SoninhaFrancine

Téo José (Narrador) - @teojose


Outros Twitters:
CBF (Confederação Brasileira de Futebol) – @CBF_Futebol

UEFA.com – @ufeacom


Faltou alguém na lista? Só passar a informação que eu atualizo, incluindo avaianos, blogs e sites! Deixe na caixa de comentários!

Tag : ,

Duelo entre Viola e Sávio? E a TV?

Juntos são 77 anos de experiência em campo. Será que teremos finalmente o encontro entre Sáv10 e Viola na abertura do returno do campeonato catarinense? A possibilidade do encontro fez com que a RBS incluísse a partida naquelas a serem transmitidas na TV aberta, ainda no início da competição.

Assim, domingo teremos o terceiro jogo avaiano na TV em sete dias, o que me faz questionar a importância do Avaí para o retorno financeiro da rede que transmite o campeonato e se o Avaí se faz respeitar com a devida seriedade, seja no valor da cota que recebe (três vezes menos que o patético Ypiranga de ontem) ou no tratamento pejorativo recebido por parte dos órgãos de imprensa da referida empresa de eventos.

De um lado o Avaí insiste em seu complexo de inferioridade e síndrome de vira-latas. Do outro, empresas de comunicação continuam faturando alto explorando a marca Avaí de um jeito que nem o Avaí faz.

Enquanto isso, em Brusque, ninguém sabe se Viola vai realmente jogar no domingo. Isso porque o animador de torcida, digo, jogador de futebol, foi fazer uma viagem aos Estados Unidos para participar da "Viola´s Party", uma festa na academia que leva seu nome em Danbury, no estado de Connecticut.

A viagem do jogador de showbol para a festinha nos states já estava prevista em contrato. Há mais de uma semana sem treinar com o grupo, Viola retorna no sábado, véspera da partida. Será que enfrenta o leão? Essa é a diferença entre contratar um ex-jogador famoso como Viola e um jogador experiente. como Sáv10.
Tag : ,

Camisa nova deu sorte

E a camisa nova estreiou bem, dando sorte ao Leão! Goste-se ou não da camisa, a senha para seu sucesso de vendas é uma boa campanha na Copa do Brasil. Logo, tomara que venda muito e que o Avaí possa fazer a melhor campanha da sua história na competição.

Enquanto isso, em Criciúma, a onda de camisas feitas por torcedores também pegou. O designer Istvan de França fez uma camisa do Tigre como projeto de faculdade, postou no Twitter e todo mundo teria começado a retwittar, pedindo que a Penalty faça a camisa. A Penalty teria respondido aos apelos com uma mensagem ao designer dizendo que se os apelos por parte da torcida continuarem, existe sim a possibilidade da camisa ser desenvolvida. Para os curiosos, a campanha está pode ser vista no site Eu quero essa camisa.

Vídeo Completo - Erros de Zé Acácio na final!

Esse é o vídeo completo, editado pelo Felipe Roman, que demonstra a sucessão de "equívocos" de José Acácio da Rocha na final do primeiro turno do Campeonato Estadual, tanto no primeiro quanto no segundo tempo da partida. Vai se "equivocar" assim lá na Casa d´Agronômica, hein, ô!

Num clube grande que se respeita e se faz respeitar, é material suficiente para fazer um árbitro de quinta entrar na geladeira. Alô, dotô! Com a palavra o Avaí, a FCF e a tal Comissão de Arbitragem.

3-6-1 made in Taiwan

Na Era Silas, utilizou-se, predominantemente, um esquema com dois volantes, dois meias e dois atacantes, o popular 4-2-2-2. A formação em questão foi herdada do time de Sérgio Ramirez, técnico anterior ao maestro do acesso, e se mostrou a mais acertada para os times de 2008 e início de 2009.

No entanto, o insucesso do Avaí no princípio do certame nacional do ano passado fez com que o técnico Silas repensasse o esquema de jogo. As pressões da torcida e mídia por um time mais cauteloso deram resultado, e a virada avaiana veio com o 3-6-1, formação raramente adotada, mas que serviu maravilhosamente aos nossos propósitos. Afinal, não existe um esquema mágico que chega invariavelmente à vitória, mas a necessidade (precisamos atacar, defender, rodar a bola?) e a possibilidade (que jogadores nós temos disponíveis e quais as aptidões de cada um?) é que determinam a melhor formação a ser adotada.

Péricles Chamusca, no entanto, não pareceu ponderar suas necessidades e possibilidades. Curiosamente, antes mesmo de conhecer o time que regeria, adiantou aos órgãos de imprensa que manteria o exótico esquema de três zagueiros e um atacante fixo, contrariando a máxima de que a formação é que deve se adequar ao time, e não o contrário. Não eram as mesmas peças, tampouco os mesmos adversários: Todavia, julgou-se, inexplicavelmente, que deveria permanecer o mesmo esquema.

E este 3-6-1 de Chamusca, no qual os jogadores são encaixados, não consegue convencer. É uma tentativa frustrada de imitação da equipe de 2009. Não há, no atual time, um segundo-volante de qualidade técnica como Gago, capaz de partir à frente quando possível (quem sabe Batista ou Frédson); Róbson não preenche o meio-ataque de forma tão dinâmica quanto Muriqui, possibilitando a constante variação para o 3-5-2; Leonardo, ao contrário de William, não tem como modus operandi travar uma exaustiva briga solitária contra a defesa adversária; Davi não é capaz de criar chances aos poucos homens de frente como era Marquinhos.

Não se quer, aqui, demonstrar a menor qualidade dos atuais jogadores, mas sim evidenciar que estes possuem características, qualidades e defeitos diferentes das peças de 2009, devendo ser utilizados em campo conforme demandam suas reais aptidões.

Que se adote, no segundo turno, uma formação pertinente às características do atual grupo, sem se prender ao glorioso - porém pretérito - esquema de Silas!

(Post aproveitando a onda levantada pelo Felipe no excelente "Papo de Botequim - 3-5-2, 3-6-1, 4-4-2?")

Cirque Du Soleil

"Já se deu o tempo em que assistir uma partida, in loco, é um programa familiar. Não só pela violência que vemos nos estádios. Os preços abusivos beiram o ridículo. Por exemplo, se um pai de família levasse a mulher e dois filhos com mais de 12 anos para final da Taça Guanabara, anteontem, gastaria 150 reais só com os ingressos. Gasolina, refrigentante, um cachorro-quente e -pimba!- dois galos a menos na carteira.

Não podemos confundir as coisas. Brasil não é Europa. A parcela da população que pode pagar esses 200 reais em um único domingo é minima. Ainda mais em um país onde famílias inteiras não ganham isso no mês. Mais absurdo ainda é saber que um lugar na arquibancada para assistir a um grande embate entre Flamengo x Tigres, por exemplo, custa 40 reais. Imagina como vai ser no Brasileirão?

Depois os dirigentes vêm reclamar que a torcida não apóia, que os jogadores precisam de incentivo. E os torcedores? Qual o incentivo, além da paixão pelo clube? Ver um jogo de futebol com gramados esburacados e jogadores de baixo nível técnico?"

Quem escreveu isso foi o Lédio Carmona, que até ano passado era o sabe tudo do futebol ao pregar no início do ano que o Avaí não cairia. E não caiu. Quem concorda com ele desta vez?

(Dica: Eduardo Santos.)

Tag : ,

Justiça Presente também no interior.

Uma dúvida freqüente sobre o programa Justiça Presente é se ele ocorre também nos jogos realizados fora da Capital. Sim, o Justiça Presente ocorre em Florianópolis, Imbituba, Cricíuma, Joinville, onde houver a necessidade, inclusive acompanhando os jogos das semifinais do catarinense 2010. O programa tem a finalidadede trazer a paz e a tranquilidade nas praças esportivas de Santa Catarina e é uma iniciativa do Tribunal de Justiça, com a participação do Ministério Público, OAB, Polícia Civil, Polícia Militar, Associação dos Clubes de Santa Catarina e Federação Catarinense de Futebol. Na foto, a delegada Ester Coelho, representante da Polícia Civil e o José Tiago M. de Albuquerque, representante do Tribunal de Justiça.

Olho nele! José Acácio da Rocha! [2]

"[...] nós temos sérios problemas com esse rapaz aí que apita esses jogos porque é um safado, eu acho. Porque cada vez que ele apita os jogos do Avaí ele não vê pênalti ao nosso favor só vê contra e hoje é um escândalo o que houve aqui, [...] não se pode é na verdade nós sermos simples sistematicamente prejudicados por esse mesmo rapaz [...]. Merecemos perder o jogo talvez, pelo volume de jogo, por aquilo que está jogando o Atlético, nós sabíamos de toda essa questão, mas o que me irrita profundamente é ter um indivíduo que deveria ser neutro e prezar pelo bom andamento de uma partida de futebol, ter sempre a mesma posição. [...] nenhum elemento que tem que ser neutro dentro de campo pode interferir no resultado de uma partida e essa interferência tem ocorrido por conta desse rapaz. [...] eu acho que não houve nenhuma dúvida, o cara cortou a bola com a mão, isso nítido, só esse rapaz que não viu. Tá, esse moleque que não viu. Só ele que não viu, tá entendendo? Esse cara não pode mais apitar os jogos do Avaí porque é isso que ele faz sempre".

Foi por falar o que falou na entrevista acima transcrita, datada de 23 de Janeiro de 2005 - depois do jogo Avaí x Atlético de Ibirama, que o Presidente João Nílson Zunino restou condenado a indenizar José Acácio da Rocha em R$ 8.000,00, nos autos da ação indenizatória n. 023.05.022964-0, ajuizada pelo árbitro em comento em face do dirigente avaiano (Em segundo grau, a decisão se manteve incólume, e, posteriormente, as partes entraram num acordo).

A pergunta é: Podemos esperar deste juiz que seja completamente imparcial quando apita jogos do Avaí?
(Post originalmente publicado aqui no blog em 01/02/2010, pelo Eduardo.)

Repercussões

Na blogosfera avaiana:

- Blog DNA Azul: Culpa do Acácio e do Chamusca.
- Blog Elite Azul & Branca: Bela atuação, derrotados pelo apito. Vida segue.
- Blog do Torcedor na Globo.com: Culpa do Chamusca, alguns jogadores e arbitragem, nesta ordem.
- Blog De Virada: Chamusca chove e não molha.
- Blog Assis Azul: Ingenuidade de Chamusca e do time.
- Blog Pequenos Avaianos: DejaVu, vale a pena esperar pelo returno.
- Blog do Sandro: Boa partida, mas não deu.
- Blog do Totô: Time guerreiro prejudicado pela arbitragem.
- Blog Sou Corneteiro: Avaí aceita tudo e não faz nada.
- Blog da Chuleta Avaiana: Sem tempo para lamentar, pensar na Copa do Brasil.
- Blog Paixão para toda a vida: Parabéns ao Joinville e ao árbitro.
- Blog do Fábio Machado: Sem paciência para Chamusca e jogadores com pé murcho.
- Blog Nobre Azurra: Passou da ponte, não vence.
- Blog do Renatinho: Avaí engole tudo e Chamusca erra tudo.
- Blog Sou Avaí: Bom futebol avaiano, mas faltou malandragem.
- Blog Resistência avaiana: Faltou técnico e um capitão.
- Blog Pitaco Azul: Reação pós-jogo foi a melhor coisa de Chamusca.

(Obs: Se faltou algum Blog é porque não tinha sido atualizado até o horário desta postagem. Favor entrar em contato que atualizo.)


Na comunidade avaiana no Orkut:

Tag : , ,

Às Armas!

Às armas corramos
Mancebos briosos!
No campo sejamos
Dos mais valorosos!
No peito só tendo
Firmeza e valor
Iremos vencendo
Do fogo o rigor!

Trecho da canção "Às Armas", de José Eliziário da Silva Quintanilha, em homenagem aos Voluntários da Pátria, Guerra do Paraguai. Nossa Senhora do Desterro, 20 de fevereiro de 1865.

(Foto: Flávio Neves.)

Velha guarda

Um goleiro veterano, quase quarentão, estrangeiro, que fala espanhol e com passagens pela seleção de seu país. Pois é, Fossati continua aprontando das suas, mas não retornou aos gramados e sim bancou a contratação do argentino Abbondanzieri pelo Internacional. Sem "frescuras", Fossati já disse que se os papéis estiverem em ordem Abbondanzieri já joga a próxima partida. Se confirmar uma bom temporada no time gaúcho, Fossati tem tudo para se tornar um ídolo no Brasil, assim como já é há muito tempo para os avaianos.
Tag : ,

O registro de um lance histórico!

Ó-lhó! Da série "Quem viu, viu, quem não viu, não verá mais". Depois do gol de penalti do Nicolás contra o FC Dallas, do gol de goleiro do Martini, do gol de vento sul do Evando, do gol do fantástico do Bizu, ontem os torcedores avaianos voltaram a presenciar um lance histórico e inimaginável: um penalti a favor do Avaí marcado por Célio Amorim. A imagem ao lado não me deixa mentir e é o registro dos fatos.
É claro que o Avaí já tinha feito o seu gol e precisava levar dois para perder a partida, ou seja, já estava classificado. Mesmo assim vale o registro do inimaginável. Logo ele, Célio Amorim, o garoto do Delfim, o menino levado pelo Dom a CBF e agora aspirante FIFA, que no primeiro tempo - quando estava 0 a 0 e nada definido - não marcou um penalti claro em Vandinho e levou uma das mais longas vaias da história da Ressacada... Morro de velho e não vejo tudo.

Efeito Vandinho

E o Campeão voltou...por 25 minutos. O Avaí voltou a ser grande, Vandinho partiu para cima, driblou, passou, correu, deu carrinho, o time cresceu, dominou a partida e a torcida pegou junto, carente de ídolos. Dai, Vandinho sentiu, foi substituído e um balde de água fria parece ter atingido time e torcida. Ambos levaram o resto da partida no banho-maria, fazendo apenas o suficiente para garantir o resultado, não desgastando-se à toa para a final de domingo. Os 25 minutos iniciais nos enchem de esperança para a partida em Joinville. O resto do jogo nem tanto...
(Foto: Flávio Neves.)
Tag : ,

Só por hoje: a vanguarderização da torcida!

Dando corda para o assunto puxado pelo João Jr. no post anterior, a impressão que eu tenho é que a torcida avaiana - responsável direta pela manutenção do time na Série B de 2007, quando pela qualidade do elenco a Série C era mais do que provável - anda aborrecida por não estar sendo aproveitada. É quase uma Síndrome de Odair, aquele atleta amuleto que salvou o time com um biquinho largo em diversas ocasiões e que na hora de aproveitar o filé mignon ficou de fora.

A intenção, óbvio, não é questionar a escalação de Odair, que não tinha realmente vaga no time titular do ano passado. O que pretendo aqui é chamar a atenção para essa "embirrecida" da torcida, chateada com o desmanche do time após promessas ao contrário, com o grande aumento das mensalidades que afastou os setores mais populares do estádio e pelas ladainhas de sempre a que a torcida avaiana se sujeita para poder acompanhar o leão, desde as intermináveis filas ao atendimento deficitário da secretaria do clube, da falta de preparo de alguns funcionários terceirizados, do serviço de alimentação, o desencontro de informações, uma imprensa comprometida com contratos assinados com o time do lado de lá, etc, etc, etc.

Para complicar, com o desmanche do time não houve o tempo necessário para uma nova equipe ganhar corpo, com o time de Chamusca se montando e desmontando ao longo de todo o primeiro turno ao gosto das contusões e deficiências físicas. Era necessária uma dose extra de paciência da torcida, mas com todos os motivos já expostos, muitos não tiveram paciência e logo surgiram as vaias. Não gostaria de pensar isso, mas pelo o que estou sentindo tem até avaiano torcendo contra o time, para no final poder dizer: "eu não disse, eu não disse?"


Ambos os lados tiveram seus motivos para tomarem suas decisões - erradas ou não -, tanto a Diretoria quanto a torcida. Mas, em minha opinião, chegou a hora de virar a mente em algo producente. Aos torcedores sobreviventes ao aumento proponho passar uma borracha em tudo, deixar de ler jornal hoje e amanhã, esquecer os comentaristas de rádio e televisão, esquecer blogueiros criadores de polêmicas desnecessárias e ir para a Ressacada de cabeça limpa e desintoxicada.

Imaginemos que o campeonato catarinense comece amanhã, contra o Atlético de Ibirama. Vamos criar uma corrente positiva, uma vanguarderização da torcida, em alusão a Vanguarda Alviceleste, a primeira a pular e a última a desistir em todos os jogos, ganhando ou perdendo. Vamos usar a lógica das sociedades de auto-ajuda e pensar "só por hoje" em esquecer os corneteiros que vaiam Chamusca. Leonardo perdeu um gol, Patric errou um passe, Zé Carlos espalmou a bola? Só por hoje - ou amanhã - não vamos parar de apoiar o time. Seremos mais Vanguarda e menos Miguel Livramento!

Chamusca demorou a colocar o Medina, o Roberto, o Vandinho, o Rudnéi, o Batista e o Sávio na partida, embora só possa realizar três substituições? Só por hoje vamos apoiar então os que estão em campo. Estão errando, está devagar? Vaias só irão piorar. Se por uma rodada - a semifinal do primeiro turno - conseguirmos apoiar incondicionalmente o Avaí, esse time só tem a crescer e a vitória certamente virá. Se não for na técnica, será na mística da camisa 12 que entra em campo e leva o time pra cima.

No entanto, se a vitória não vier quando o Célio Amorim apitar o fim do jogo, então vaie se quiser. Não sejamos Polianas, fale mal, grite, vaie, só não agrida ninguém ou jogue objetos no campo. A hora de criticar é a hora em que a partida termina. Antes disso, só por hoje nos tornaremos otimistas incorrigíveis, daqueles que gritam mais quando tomam gol, que pulam mais quando a bola bate na trave, que cantam mais quando Célio Amorim não marca um pênalti. Por uma torcida vanguardeira e feliz por fazer a sua parte a despeito das dificuldades de sempre, vamos a campo amanhã levar o leão da ilha à final do primeiro turno.
Tag : ,

As vaias na Ressacada, por João Jr.

O amigo João Jr. deixou um comentário interessante que merece ser reverberado: as vaias recentes no estádio da Ressacada! Confira trechos do comentário:

"Na minha opinião, alguns dos 3 mil Avaianos que foram ao jogo sábado, demonstraram que estavam mais a fim de vaiar do que de torcer. O time não jogou bem, foi lento, estava quente, o preço é caro, tem fila, etc. Ok, concordo que isso tudo é verdade, mas se o cara já vai para um jogo com pré-disposição para vaiar, deveria ficar em casa.

Não só o Leonardo foi criticado, mas Patric, Robinho e Chamusca, principalmente, pelo menos por muitos torcedores do setor D que é onde eu fico. Tinha uns caras que ficaram desde os 10 minutos do primeiro tempo gritando que era marmelada e que o time estava jogando para empatar... Se o cara acredita que um resultado está arranjado, o que o cidadão foi fazer lá então??

(...) Tem muito torcedor sem paciência este ano, por vários motivos que já sabemo$$. Isto é um direito de cada um, mas então que não vá para o estádio vaiar o time durante o jogo. Se quiser vaiar no final, depois do resultado consumado, ok, mas durante o jogo tem é que incentivar e apoiar (o que somente a Mancha Azul e A Vanguarda estão fazendo na Ressacada este ano, estas cantam o tempo todo).

Já tivemos times ruins que ganharam vários jogos por causa do apoio da nossa torcida em temporadas passadas. Imagina este time que individualmente tem jogadores de boa qualidade quando receber o apoio do torcedor, quantos bons resultados poderemos ter?

A realidade é que o time do Avaí está em formação e que, queira a torcida ou não, leva algum tempo para um time novo se entrosar. Apenas 2 titulares foram mantidos do ano passado e ainda existem jogadores para estreiar, então não adianta ficar criticando que isto não vai dar padrão de jogo para a equipe, pelo contrário, pode até "queimar" um jogador de qualidade que ainda não está no seu melhor condicionamento.

Na minha humilde opinião, vontade não está faltando por parte dos jogadores, então é ter paciência porque só com a persistência é que vem o acerto. Desculpe me alongar tanto, mas sábado fiquei com vergonha da atitude de alguns torcedores, parecia a torcida do time do estreito..."
Tag : ,

Washington e Arnaud Rodrigues!

Na noite de segunda-feira faleceu Washington Luiz de Paula, 57 anos, em decorrência de complicação renal. Jogou no Noroeste, Guarani, Corinthians, Vitória-BA, Goiás-GO, Internacional, Ferroviária, Rio Branco de Andradas e Marcílio Dias. Washington era considerado o primeiro jogador de um time do interior a ser convocado para a Seleção brasileira, ao ser convocado em 1972 pelo técnico Cláudio Coutinho . O ex-jogador já vinha doente desde outubro do ano passado.

Pela Seleção disputou os Jogos Olímpicos de Munique, na Alemanha, e a Copa Independência, realizada no Brasil, em comemoração ao Sesquicentenário - 150 anos, da Independência do País. O Brasil sagrou-se campeão ao vencer no Maracanã, Portugal por 1 a 0, gol de Jairzinho.

Morreu também o multiartista Arnaud Rodrigues. O artista de 68 anos estava em uma embarcação que virou e afundou no lago da Usina Hidrelétrica de Lajeado, no Tocantins, nesta terça-feira de carnaval. O Coronel Totonho era presidente do Palmas Futebol e Regatas.

Depois de fazer sucesso na televisão, Arnaud mudou-se para o Tocantins e acabou presidente do Palmas, sediado na capital do Estado e time que mais títulos estaduais. Na temporada passada perdeu o título para o Araguaína, mas ficou com o vice-campeonato. Nos últimos anos, Arnaud investiu na infra-estrutura do clube, com a construção de um centro de treinamentos e levava ex-jogadores conhecidos para motivar o futebol local, como Paulo César Caju, campeão do mundo em 1970.
Tag : ,

Manezinho mais irado da cidade: o dedinho de Leonardo

Foi impressão minha ou Leonardo, após fazer o gol do modorrento Avaí 1 X 0 Metropolitano foi tirar satisfações com um torcedor das sociais novas? A impressão que deu é que havia um torcedor reclamando da atuação do time, dai quando Leonardo fez o gol foi correndo apontar para essa pessoa dizendo que estava sim respeitando a camisa do Avaí. O torcedor ficou feliz com o gol, aplaudiu Leonardo, o atleta aplaudiu de volta e tudo ficou acertado, sem maiores complicações ou dramas. Ao final de jogo Leonardo saiu reclamando do calor e dizendo que o torcedor não teve paciência, mas que estava no seu direito de reclamar. Tudo Ok e sem polêmicas.





Para ver a seqüencia em vídeo, basta clicar AQUI. Não é hora de polemizar, mas se o que aconteceu foi exatamente o que narrei - e isso são apenas as minhas impressões e não a expressão da realidade - Leonardo tem que "esfriar a cabeça", perdão pelo trocadilho infame numa tarde tão quente como a de sábado passado.

Após meses e meses parado, recuperando-se no Avaí, Leonardo voltou devagar em alguns jogos do ano passado. A torcida - que acreditou nas boas credenciais do atleta - teve a devida paciência com o jogador, deu tempo e espaço para sua recuperação. A estréia no Catarinense 2010 foi como a reestréia de Leonardo e após algumas rodadas já anotou 4 gols, embora tenha tido apenas uma atuação acima da média, justamente na goleada contra o JEC.

Agora, uma coisa que me irrita no futebol é jogador profissional que vai tirar satisfações com a torcida. Leonardo, mô pombo, não és Romário. Romário pode mostrar o dedinho pra torcida, porque Romário desequilibra uma partida sozinho. Tu, não. Um atleta profissional do futebol, que ganhas o que ganhas - e em dia - tem é que ficar caladinho e jogar bola. Se a torcida apoia, vibre com ela e vá subir os degraus da nova arquibancada para cair em seus braços. Se a torcida vaia, é porque o time não está jogando nada, exatamente o caso do Avaí neste Catarinense. Então, fique quieto, levante a cabeça, finja que não ouviu e vá em frente. Torcedor é assim, quando o gol sair, eles vão aplaudir.

Querer tirar satisfações com a torcida só desnuda a falta de preparo mental de um atleta que deveria estar ciente das pressões do mundo esportivo, ainda mais quando o esporte que pratica é o que apaixona um país. Já imaginou o juiz marcar um penalti certeiro e correr para a arquibancada dando de dedo nos torcedores que o chamam de filho da Dutra? Nem Dalmo Bozzano, que era Dalmo Bozzano, faria isso (ok, ele já fez sim, mas ele também não conta).

O Avaí desmontou-se após garantias públicas de sua diretoria de que isto não aconteceria. O torcedor tem que arcar com os altos custos dos ingressos e das mensalidades enquanto os clubes vendem cota de TV a preço de banana. Tem que aguentar um time que na última rodada do returno ainda não está pronto. Tem que aguentar um mormaço de 40º graus nas arquibancadas e depois ficar preso na fila para poder voltar para casa, num sábado de carnaval. Tem que pagar R$4,00 num copo de H2OH que sai por menos de R$1,20 num Bistek da vida. E agora, tu, Leonardo, que ganhas o que ganhas para jogar bola, não podes aguentar uma vaia quando o time todo está jogando MUITO MAL contra o Metropolitano, time blumenauense fora de série?

Já tivemos casos aqui de jogador que mostra dedinho para a torcida. Não durou muito, embora o dedinho que ele mostrou fosse outro, bem diferente do teu. Coloque a cabeça no lugar, continue evoluindo em seu futebol e não perca tempo fugindo desse caminho vencedor que estás trilhando. Ainda vais ouvir muitas vaias, caso o Avaí continue com o futebol instável que vem apresentando. Se não gostas delas, o único modo de fazê-las sumir é exatamente o que fizeste: gol. E só. Vamos lá, Leonardo, contamos contigo!

Termômetro das torcidas, por Alison Müller

E o blog Visão de Jogo, de Alison Müller, sofrido torcedor do Juventus, de Jaraguá do Sul, apresenta um termômetro das torcdias, com números das oito primeiras rodadas do campeonato. Confira:

Capacidade dos estádios retirada dos sites dos clubes e do Futebolsc.com, e a população retirada dos dados oficiais de 2009 do IBGE.

1º Joinville - 7175
2º Figueirense - 7004
3º Avaí - 5037
4º Chapecoense - 3223
5º Criciúma - 2496
6º Brusque - 2109
7º Metropolitano - 2049
8º Atlético - 1328
9º CFZ Imbituba - 959
10º Juventus - 395

% de ocupação do estádio:
1º Figueirense 35,18% (Scarpelli - 19.098)
2º Joinville 32,03% (Arena - 22.400)
3º CFZ Imbituba 31,96% (E.Rodrigues - 3.000)
4º Atlético 26,56% (Baixada - 5.000)
5º Avaí - 26,51% (Ressacada - 19.000)
6º Brusque - 26,36% (A.Bauer - 8.000)
7º Chapecoense 21,48% (Indio Condá - 15.000)
8º Metropolitano 16,39% (Sesi - 12.500) - 0,68%
9º Criciúma 8,68% (H.Hulse - 28.749)
10º Juventus 3,95% (J.Marcatto - 10.000)

% em relação à população:
1º Atlético - 7,60% (Ibirama - 17.469)
2º CFZ Imbituba - 2,46% (Imbituba - 38.882)
3º Brusque - 2,06% (Brusque - 102.280)
4º Chapecoense - 1,85% (Chapecó - 174.187)
5º Figueirense - 1,71% (Floripa - 408.161)
6º Joinville - 1,44% (Joinville - 497.331)
7º Criciúma - 1,32% (Criciúma - 188.557)
8º Avaí - 1,23% (Floripa - 408.161)
9º Metropolitano - 0,68% (Blumenau - 299.416)
10º Juventus - 0,28% (Jaraguá - 139.017)

As conclusões ficam por conta dos leitores, mas não resisto em dizer que parece que a torcida avaiana anda com a cara do Odair: emburrada por não estar sendo aproveitada.

A 1ª derrota do ressuscitador

Nos últimos anos o Avaí tem se especializado em ressuscitar adversários. Em 2008, por exemplo, o Time das Barbies foi campeão porque o Avaí o classificou para as fases finais. Só neste campeonato cedeu o único ponto para o rebaixado Juventus, ressuscitou o Tigre em Criciúma, o Time das Letras, no Estreito e, agora, o Atlético, em Ibirama, equipe que vinha caindo pelas tabelas como bom cavalo paraguaio e agora tem a sua classificação garantida para a segunda fase, enquanto o Avaí, não.

Isso porque se o Avaí perder para o Metropolitano, no sábado (toc toc toc!), e o CFZ Imbituba, recém oriundo da segunda divisão, vencer o seu compromisso contra o Brusque, em Imbituba (o que é bem provável), o Avaí cai fora da segunda fase. Se o Avaí vencer, pega na segunda fase Ibirama (fora de casa) ou Metropolitano (na Ressacada). Se o Avaí chegar na final e for contra o Joinville, a decisão será na Arena. Se for contra o Ibirama, dependerá da classificação final do Atlético.


Não posso falar sobre o jogo de ontem porque não vi, mas a derrota demonstra, além da grande instabilidade da equipe, que invencibilidade sem vitórias não tem muito valor Adicionar imageme que fora de casa o time misto de Chamusca ainda não sabe se portar como time de Série A.

Aliás, o "time misto" já não é desculpa. Qual equipe de Santa Catarina tem o elenco que o Avaí possue atualmente à sua disposição? O turno vai chegando ao fim e o único resultado pretendido é o título. Pelo andar da carruagem é muito provável que o time decida este título fora de casa. E, aí? Vai continuar se comportando como time pequeno quando passa a ponte? Esse disco é velho e fora de moda.


(Foto: Flávio Neves.)
Tag : ,

Ouvido no "raidinho"!

Se a empresa que comprou o catarinense a preço de banana não vai transmitir o jogo do Avaí por ser data Libertadores, o jeito - para os que não possuem PPV - é grudar o ouvido no bom e velho rádio! Aliás, como estamos de transmissões esportivas?

- Rádio Guarujá: a mais tradicional emissora de rádio em atividade. Na sua equipe, destaque para os comentários de Rui Guimarães, o realmente técnico. Sua melhor característica é desconstruir as bobagens disseminadas no mundo da bola, como "nó tático" e outras expressões vazias e inúteis do mundo do futebol. O reizinho Balduíno e Polidoro Júnior também estão na equipe. O ponto fraco da Guarujá são as narrações: Paulo Branchi narrando jogo do Avaí é insuportável, deveria restringir-se ao seu Figueirense. Janiter de Cordes é a segunda opção, tem que tomar cuidado para não falar demais e num tom muito alto, fica cansativo. Uma outra crítica é o excesso de "piadas internas", o pessoal às vezes exagera no clima de descontração e esquece que os ouvintes estão interessados em informações e opiniões, não em quem da equipe almoçou aonde ou quem vai bater pelada em tal lugar. O "excesso de interatividade" também é um ponto baixo: fazem narração de sala de chat na internet! Isso é interatividade ou falta de assunto? É possível ouvir a transmissão pelo site da Rádio Guarujá.


- CBN Diário: Salvam-se, talvez, Rodrigo Faraco e Salles Júnior, embora se sustente na folclórica dupla de comediantes Miguel Livramento e Roberto Alves. A favor da CBN, a voz de Salles Júnior, o melhor narrador esportivo em atividade atualmente. Contra a CBN, as presenças de Renato Semensatti, Paulo Britto e outras figuras igualmente dispensáveis. O velho bruxo Lauro Búrigo sumiu sem deixar vestígios. Não espere jornalismo esportivo, a CBN é apena um ramo de uma empresa de eventos e, como tal, sopra em favor dos contratos. Após as coletivas de imprensa e o bate-papo final, iniciam-se as insuportáveis "Frases da Jornada", que nada mais é do que a senha para se desligar o rádio ou colocar um CD. Destaque positivo também para Fabiano Linhares, atualmente trabalhando com o tricolor do Estreito. É possível ouvir na Internet.


- BAND FM: A seu favor o fato de ser a única emissora da FM que transmite o futebol, tornando-se a única opção de quem é obrigado a ouvir no MP3, no celular ou naqueles radios que não sintonizam AM. Como ouvinte, sugiro que a emissora repense todo o formato de sua atração. Por transmitir em FM alguém teve a idéia de querer "rejuvenescer" as transmissões esportivas, confundindo o futebol com o perfil dos ouvintes das demais atrações da Band FM. Colocaram uma voz feminina que geralmente comete um mico sempre que entra no ar (e isto não é uma questão de gênero) e um comediante fazendo as vozes de dois personagens, um manezinho da ilha e um...gaúcho (???!!!). Quem teve a brilhante idéia deveria ser torturado e condenado a ouvir todas as transmissões. O horror, o horror... Apesar de comentaristas corretos como Sérgio Murilo, possui a narração insuportável do alvinegro tricolor Claudionir Miranda. Daí não há quem agüente mais do que cinco minutos... Também na internet.

- Mais Alegria: A rádio possui uma estrutura enxuta, mas simpática. Cresce quando comparada à (falta de) simpatia de uma parte da concorrência. Em sua programação, o destaque é o programa Esporte na Mais, produção independente apresentada por Fábio Machado, diariamente, das 12:00 às 12:30. Há ainda a Jornada Esportiva comandada por José Luiz e equipe, cobrindo, ao vivo, jogos dos campeonatos profissionais e o esporte amador da Grande Florianópolis. Também na internet.

(Imagem do Anúncio da Rádio Guarujá: O Estado, 22/05/1981.)
Tag : ,

- Copyright © vidAvaí - Skyblue - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -